SOTERIOLOGIA - ATIVIDADE PROPOSTA Nº 1

TEMA: SOTERIOLOGIA




QUESTÃO PROPOSTA Nº 1

CONSIDERE AS DUAS AFIRMAÇÕES RELACIONADAS À TEORIA SOTERIOLÓGICA DE DUAS DENOMINAÇÕES EVANGÉLICAS BRASILEIRAS

O GRUPO EVANGÉLICO A - AFIRMAÇÃO 1  O grupo A afirma que Deus predestinou arbitrariamente quem serão os indivíduos salvos e também predestinou quem serão os indivíduos condenados. Esta doutrina é conhecida como "teoria da dupla predestinação". 

O GRUPO EVANGÉLICO B - AFIRMAÇÃO 2  O grupo B afirma que Deus elegeu alguns homens para a salvação e deixou de eleger os outros, deixando-os abandonados e sem a fé para crer.

NOSSAS OBSERVAÇÕES COM BASE NA BÍBLIA SAGRADA

1 - AS DUAS DOUTRINAS FEREM A BÍBLIA SAGRADA E O CARÁTER DE DEUS

1.1 - As duas denominações ferem escandalosamente o caráter de Deus e rasgam a Bíblia Sagrada sem cerimonia e sem piedade. Ambas as teorias fazem de Jesus um hipócrita e um ator de TEATRO, uma vez que o nosso MESTRE manda o crente pregar o evangelho a toda criatura. Se as pessoas para as quais as igrejas pregam não podem crer pelo fato que Deus as impede de crer, Jesus é mentiroso e o evangelho é um grande teatro. Toda revelação ou teoria que contradiz a Bíblia Sagrada não é revelação; é heresia de perdição. Nas duas situações, o caráter de Deus foi comprometido por uma doutrina mal entendida e mal explicada pelos pregadores. Os desvios de hoje trazem resultados desastrosos no futuro.

1.2 - A Bíblia Sagrada afirma que Deus quer que todos os homens se salvem e venham ao conhecimento da verdade. (I Timóteo 2:3-4). Isto não pode ser anulado.

1.3 - Os dois grupos ferem o princípio bíblico da expiação ilimitada (Cristo morreu pelo mundo inteiro) e anulam o desejo expresso de Deus, manifesto por ELE mesmo em sua palavra, de ofertar a salvação a todos os homens sem acepção de pessoas(I João 2:2) - (João 3:16) - (João 4:42) - (Ezequiel 33:11) - (ISAÍAS 55:6-7) - (Mateus 11:28-30) - (Romanos 11:32) - (Romanos 5:18) . Note no texto de Lucas 14:16-24 que os convidados de honra (os eleitos - Israel) no final foram rejeitados e os não convidados (não eleitos - gentios) foram chamados e alcançaram a benção.

2 - OS DOIS GRUPOS ATRIBUEM A DEUS O PECADO DA ACEPÇÃO DE PESSOAS

2.1 - Na tipologia bíblica os números possuem um sentido. O número 8 nos aponta para a graça de Deus. A Bíblia Sagrada nos afirma 8 vezes que Deus não faz acepção de pessoas. Isto é a manifestação maravilhosa da graça.
Romanos 2:11, Atos 10:34, 1 Pedro 1:17, II Crônicas 19:7, Efésios 6:9, Jó 34:19, Colosenses 3:24-25, Lucas 20:21

Em quatro textos bíblicos Deus proíbe terminantemente que os homens façam acepção de pessoas.
Deuteronômio 16:19, Malaquias 2:9, Tiago 2:1, Jó 13:10

3 - A DOUTRINA DA ELEIÇÃO E PREDESTINAÇÃO SÃO MAL EXPLICADAS AOS SERVOS DE DEUS

3.1 - Todas as vezes que a Bíblia Sagrada cita a eleição de um indivíduo ela está relacionada a um chamado para um trabalho em prol do reino de Deus e não especificamente à salvação. A eleição e a predestinação para a salvação é coletiva. Para os serviços ou funções entre os salvos ela é individual. Por Exemplo, Jeremias foi chamado desde o ventre para ser profeta das nações, Paulo foi chamado desde o ventre para ser doutor dos gentios. A presciência de Deus é constatativa e não determinativa. Exemplo: O povo de Israel (uma nação inteira) estava predestinado e eleito a morar na terra prometida, apenas dois israelitas que saíram do Egito (Josué e Calebe) e os nascidos no deserto alcançaram a promessa predestinada a todos. A igreja está eleita e predestinada ao céu. Quem chegará lá? A própria Bíblia Sagrada responde: Os fiéis, ou aqueles que perseverarem até o fim.

4 - A CLARA ADVERTÊNCIA DE DEUS AOS PREGADORES E ÀS IGREJAS

4.1 - Existe uma clara advertência bíblica quanto à substituição do evangelho bíblico por teorias artificiais. A advertência bíblica deixa claro que nem os homens ou anjos possuem autorização para modificar a verdade do evangelho, sob pena de maldição. (Gálatas 1:8).

QUESTÃO PROPOSTA

Considerando as afirmações soteriológicas acima apresentadas e as nossas observações baseadas no texto sagrado, responda a seguinte questão:

Sabendo que o apóstolo Tiago além de afirmar que a acepção de pessoas é pecado (Tiago 2:9) o discípulo de Jesus ainda diz que Deus não peca e não faz ninguém pecar (Tiago 1:13-17), pergunta-se: Quem estaria correto, o escritor da carta bíblica que andou e viveu com Jesus ou os referidos pregadores do grupo A e do grupo B? (Justifique sua resposta com textos bíblicos).

“Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê (...)” - Romanos 1:16.